zodiacod32fc71bb1a135fee0214b5bb5d8000ajpg

Não tolero:
 
Funk não é cultura
Astrologia é lixo
Homeopatia é doença
Meritocracia é o único caminho
 
 
Nem acredito em Astrologia, nem em Homeopatia, detesto Funk e acho que a meritocracia tem elementos a serem aproveitados,mas também acho um cu descalço o discurso supostamente científico que despreza sistemas de crenças, que torna elementos culturais menos científicos que elementos supostamente “exatos”.
 
Você é físico, médico, biólogo e acha que tudo pode ser medido com a régua da ciência supostamente exata? Primeiro, ela não é exata, leia Latour, leia antropologia, leia História e perceba o quanto da ciência moldou-se como sistema de crenças transformando-se também em uma espécie de sacerdócio moderno dedicado à razão.
 
Vá mais longe, saia do mundinho, perceba o quanto da Astrologia, Homeopatia e religiões é mensurável enquanto fenômeno humano e traduzem percepção científica.
 
Sim, leia Levi-Strauss, saque que o pensamento mágico não exclui o pensamento científico, aliás, são metodologias, digamos assim, complementares de observação do real e que o ateísmo e o exatismo fundamentalistas são tão obscurantistas quanto a fẽ cega, ambos são faca amolada.
 
Eu leio sobre física sempre que posso. A relatividade de Einstein tem relação com o relativismo cultural da antropologia, fazem parte do mesmo arcabouço cultural, do mesmo contexto histórico, que produziu também Annales.
A física quântica estabeleceu outro parâmetro científico que refletiu nas ciências humanas e tem muito a ver com a atomização das pesquisas, e tangencia a micro-história, se não exatamente enquanto transferência direta de metodologia, como influência direta na perspectiva analítica.
 
E a astrologia nisso? Bem, a astrologia é uma percepção cultural humana da relação entre astros e civilizações, indivíduos,etc.. É um sistema de crenças que explica mais do que o preconceito ou o exatismo relacionado à ela quer ver ao chamá-la de doença. Idem a Homeopatia.
Quando vocẽ chama ambas de doença (Como deve chamar a fé em si também) você torna “doentes” milhões de pessoas por estabelecerem um sistema de crenças que explica a elas mesmas e ao mundo ao redor.
E quando digo que explica não é pra dizer que explica como as pessoas são “burras”,mas como elas veem o mundo e como constroem o mundo a partir do que veem.
 
A astrologia também, ao determinar uma espécie de ordenamento cosmológico, estabelece sistema de valores, esses sistemas de valores se traduzem em comportamento, em ética, em uma estrutura de identidade e identificação entre seres humanos que por si mesma torna irrelevante a exatidão ou não da análise sobre se o Sol influencia pessoas nascidas entre Julho e Agosto ou não.
 
Da mesma forma a identidade construída no louvor à razão “científica” produz um sistema de crenças idêntico, com exatamente todo o restante do caminho.
 
E,pasmem, nenhum dos dois sistemas de crença constrói apenas imbecis ou gênios.
 
O culto ao racionalismo extremo produziu o holocausto e sua linha de montagem do genocídio. Da mesma forma o misticismo também é corresponsável pelo nazismo.
 
A perseguição às bruxas pós-reforma tem digitais do obscurantismo da fé,mas também da nascente classe dos médicos que combatiam a “mistificação” em nome da consolidação da ciência.
 
Aliás, a igreja e a medicina queimaram como bruxos e bruxas portadores de conhecimentos científicos produzidos pelo pensamento mágico que desenhavam uso de ervas como ferramenta de melhoramento de saúde, noções populares de calendário lunar e solar e sua relação com plantio, pragas,etc…
 
Então, meça os extremos da intolerância. A fé e a razão possuem a dor e a delícia de serem o que são, os vícios e as virtudes, o crime e a dádiva.

 

Comente, mas cuidado...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s