157902_montagem disputa presidencial

A lógica de derrota do outro como derrotar um espantalho, um terror imortal, é um crime político que primeiro vitimiza a razão e a honestidade intelectual e política.

Dizer que o PSOL e Luciana Genro são linhas auxiliares do PT é canalhice. Especialmente no caso Luciana Genro, MES, insurgência, Babá, CST.

Maringoni, Ivan Valente, Randolfe? Ok, queriam e querem ser linhas auxiliares do PT, mas Luciana jamais foi isso. Tenho três mil críticas a ela, mas essa não, essa é mentira, é lorota. Aliás, a linha da campanha de Luciana INTEIRA é de combate a esta lógica. é só ler, é só procurar, é só ser honesto e se verá.

Critico e critiquei quem reduziu Marina à fundamentalista. Critico e criticarei Dilma e o PT, critico PSOL, do qual fui militante, mas vou combater desonestidade política sempre.

A logica de dizer que é preciso derrotar Dilma a qualquer custo é a inversão do sinal de que é preciso evitar o avanço da direita ou derrotar o PSDB a qualquer custo que o governismo ex-querda neo petista faz. Quer pagar o “qualquer custo”? Pague, mas garanto que o couro que pagará não é o seu. O couro que paga é preto, índio, gay, lésbica, mulher.

luciana-genro20140622_0005Até porque a limitação de compreender que trocando peças em um sistema que vitimiza prioritariamente negros, índios, mulheres gays, lésbicas, travestis e trans*, em especial todos esses sendo negros ou índios, não muda o sistema e menos ainda a lógica de destruição/opressão dele ou é limitação cognitiva ou pior, é oportunismo mesmo, opção tática preferencial por ignorar o que considera assessório, ou seja, no fim das contas quem pensa assim pensa que DH, opressões e meio ambiente são nada, nadica, são assessórios, perfumaria.

Marina, Aécio, Dilma? todos são ferramentas de um sistema opressor, ambientalmente destrutivo e devorador de direitos. Todos são omissos ou atacam diretamente a legalização das drogas, do aborto, casamento civil igualitário, critica ao desenvolvimentismo predatório, crítica aos combustíveis fósseis, valorização dos DH, todos, sem exceção.

Marina defende que direitos LGBT, aborto, tudo isso vá pra plebiscito, o que consegue ser pior que a omissão de Dilma e Aécio, pois põe direitos a aprovação popular, direitos de minorias em específico, à aprovação popular em uma conjuntura conservadora.

Quem opta por esse caminho opta por um lado e não é o meu.

Anúncios

Comente, mas cuidado...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s